Express Entry no Canadá – Imigrar como trabalhador

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn

Por: Fernanda Isquierdo, RCIC.

Com sistema de pontuação do Express Entry, o Canada identifica os candidatos com melhores chances de obter sucesso no país.

O Express Entry (EE) no Canadá é um sistema de pontos para a seleção de candidatos que desejam imigrar para o Canadá como trabalhador qualificado – ou como profissional. Existem dezenas de maneiras de conseguir a residência no Canadá, e o Express Entry concentra-se apenas na avaliação de candidatos para programas imigratórios na categoria chamada classe econômica:

  • Federal Skilled Worker (Trabalhador qualificado) – para profissionais estrangeiros com experiência profissional nos NOCs 00, 0, A ou B. Saiba o que é NOC aqui>>
  • Canadian Experience Class (Classe de Experiência Canadense) – para profissionais com experiência de trabalho no Canadá.
  • Federal Skilled Trade – para trabalhadores treinados para trabalhar em determinadas ocupações.

 

Como o Expres Entry funciona no Canadá:

Vale ressaltar que o Express Entry não é um programa de imigração, mas um sistema de pontuação que permite ao governo canadense qualificar e identificar os candidatos com as melhores chances de se estabelecer com sucesso no país.

Para participar do Express Entry, o candidato deve abrir um perfil no site do governo canadense. Ao abrir o perfil, o candidato será avaliado e receberá um certo número de pontos para diferentes atributos e fatores.

Os candidatos que possuem a pontuação mais alta terão maiores chances de serem selecionados nos sorteios que acontecem periodicamente.

Após o recebimento do convite, o candidato tem 60 dias para apresentar a documentação necessária para concluir o processo de solicitação de residência. No geral, todo o processo poderá levar em média 6 meses a partir do envio da documentação.

No momento da edição deste artigo, de acordo com a última rodada de convites, foram selecionados no candidatos com pontuação igual ou superior a 472 pontos.

 

Os principais fatores que influenciam na pontuação dos candidatos no perfil do Express Entry são:

  • Nível educacional
  • Experiência de trabalho fora
  • Proficiência na língua Inglesa
  • Proficiência na língua francesa
  • Experiência profissional no Canadá
  • Formação acadêmica obtida dentro e fora do Canadá
  • E para aqueles que desejam imigrar em família, também são atribuídos pontos para o cônjuge nas áreas de educação, experiência profissional e proficiência no idioma.

 

Outros fatores que podem aumentar sua pontuação:

  • Uma oferta de emprego sustentada por uma LMIA. Saiba mais o que é LMIA aqui>>
  • Uma nomeação provincial
  • Se você tem um irmão ou irmã que já vive no Canadá como residente permanente ou cidadão canadense, também lhe somará pontos extras

 

Alternativas para você aumentar sua pontuação

O sistema de pontuação do Express Entry no Canadá privilegia candidatos jovens candidatos com excelente domínio do idioma inglês ou do francês, com alto nível educacional e longa experiência de trabalho.

Se a sua pontuação para imigrar diretamente como trabalhador qualificado não for alta, ainda existem possibilidades. Seguindo essas recomendações você poderá construir um perfil forte e ter mais chances no futuro:

 

A) Conseguir uma indicação da província: Se você tem uma pontuação no Express Entry de 300 ou mais pontos, é recomendável procurar uma província onde sua profissão seja requisitada e esperar que a província o identifique como um candidato ideal para morar na região.

 

B) Estudar no Canadá: Após a graduação em um programa de ensino superior, você pode obter uma permissão de trabalho para Pós-graduados (PGWP). Por ter estudado no Canadá, você ganha pontos extras; E se acumular experiência de trabalho por pelo menos um ano nos níveis NOC 0, A e B mais pontos serão somados ao seu perfil.

Ao mesmo tempo, as províncias também facilitam e oferecem alternativas imigratórias para quem estudou na região. Assim, os candidatos terão duas opções para solicitar a residência permanente: 1) A rota provincial e 2) Via a Canadian Experience Class através do Express Entry. Alberta é uma das províncias com excelentes alternativas de imigração para estudantes, saiba mais sobre o sistema de imigração de Alberta >>

 

C) Proficiência no idioma: Melhorar o domínio do inglês ou do francês por meio de um exame oficial ajuda a obter uma melhor pontuação. Aprender um segundo idioma, como inglês ou francês, oferece mais pontos para o Express Entry.

Nomeação provincial através do Express Entry

Além disso, os candidatos do Express Entry que não obtiverem uma pontuação alta também podem ser selecionados por uma província canadense. Isso ocorre porque as províncias têm o poder de acessar o banco de dados do Express Entry e identificar candidatos que, devido à sua experiência de trabalho, atendem a demanda da província.

As províncias canadenses têm a liberdade de acessar o banco de dados do Express Entry e selecionar candidatos que demonstraram interesse em morar naquela província e também têm experiência de trabalho em posições de alta demanda na mesma província.

Dessa forma, a província identifica que o candidato será um profissional que contribuirá para o desenvolvimento econômico da região.

 

Como se preparar para criar um perfil no Express Entry:

A primeira etapa para iniciar um processo de imigração como trabalhador qualificado é a criação de um perfil no Express Entry.

É altamente recomendável dominar a terminologia usada no processo. Além disso, você deve estar preparado com os testes necessários para suportar todas as informações inseridas no perfil.

Um mal-entendido na terminologia que leva ao fornecimento de informações que não são totalmente precisas poderá gerar consequências negativas futuras e também em uma negativa do processo.

Alimentar informações no perfil do Express Entry que não poderão ser demonstradas posteriormente podem ser interpretado pelo Governo do Canadá como uma tentativa de falsificar informações.

Por fim, vale ressaltar que o Express Entry é apenas o primeiro filtro para identificar candidatos que se qualificarão em um dos programas de imigração na categoria de classe econômica. Além disso, é necessário se qualificar para o programa de seleção Federal Skilled Worker antes da abertura do perfil, para isso o candidato precisa atingir 67 pontos em 100 possíveis.

 

Fernanda Isquierdo, Regulated Canadian Immigration Consultant.

Fernanda Isquierdo, Regulated Canadian Immigration Consultant.

Consultora de imigração autorizado pelo Conselho Canadense que regula seus membros para oferecer serviços e consultoria em imigração.

Ela também possui mestrado em engenharia científica pela Universidade de Calgary.

Como imigrante no Canadá, Fernanda entende perfeitamente a importância de qualquer processo de imigração. Sua dedicação e paixão por ajudar outras pessoas a atingir suas metas de imigração são um ativo que a nossa empresa e nossos clientes valorizam enormemente.

Disclaimer: Este artigo mostra apenas conteúdo informativo e não representa aconselhamento de imigração. As leis de imigração estão mudando constantemente e não se aplicam igualmente a cada pessoa. Para aconselhamento em questões de imigração e personalizado, recomendamos que você agende uma consulta com um de nossos consultores de imigração.